Vídeos

URGENTE VEJA




" });

Notícias em Foco

Mundo dos Esportes

Noticias Itaocara e Região

Saúde em Ação

RÉVEILLON NO UNIÃO 2017

RÉVEILLON NO UNIÃO 2017
CLICK NA FOTO

Galeria de Fotos

» » » Nosso até um dia Toninho.

By Wilson Saraiva




Falar de Toninho ficaríamos dias e dias contando histórias de momentos com ele nos casamentos, festas, farofas, anivesários, missa e muitos outros assuntos que alegravam nossa vida e nossa alma.

 Ele se foi, mas não pra sempre pois para aqueles que o amava e conhecia, ele estará sempre presente e lembraremos de sua pureza, do " fala ai meu bem" .

Descanse em Paz Toninho e leve com vc meu eterno respeito!!
Toninho será velado no Nacional, e o sepultamento será amanhã às 10h.





Memórias Itaocarenses
Por Wilson Saraiva

Eu conheci o Toninho
Desse mesmo jeito
Há mais de trinta anos atrás
Será que ele já foi criança?
Um menino?
Será que ele já foi rapaz?

Todo mundo que eu pergunto
Já o conheceu assim
Roupa social,
cabelo espetado,
Joelho junto,
Óculos escuros
E do lado um refri.

Esse tempo,
Que não passou para o Toninho,
Mudou a cidade,
Poluiu ainda mais o Rio,
Asfaltou o caminho.
Na praça já teve piscina
Teve até voleibol.
Tinha Time de garoto
Tinha Time de menina
Já teve futebol
Na quadra de cimento
Na quadra de areia
Bola no rio era legal
A oportunidade pra um mergulho
O calor era infernal.
Na ponte tinha balaustres
Recanto era sem divisão
Tinha Adão e Eva no gramado
Na ilha do hospital o Pinguelão
No lugar do prédio,
Um casarão lindo.
E a mais bela
de todas as construções,
Aquela na frente do União
Também foi lançada ao chão.
Tinha ensaio de banda
Tinha Sanduiche
Tinha Totoca
Tinha sua flauta
Tinha violão
Tinha o FIMP
Tinha cinema
Tinha verde e rosa
Tinha vermelho e branco
Era rua de paralelepípedo o calçadão
E era a única contramão.
Tinha muita bicicleta
Tinha muito fusquinha
Tinha fuscão
Tinha o Zé
Com seu triciclo moradia
Tinha quatro esquinas
Teve Casa Resende
Tinha Chopinho,
Que já foi Colúmbia.
Tinha o Chopão.
Na Xangó,
pizza com refresco
E alí em frente, Armação.
Tinha Loja do Adjalma
Lojas Gelbis
Açougue do Venâncio
Loja do Toti
Bazar São Sebastião.
O posto Aldeia era do Medina
Na ponta da areia tinha rinha
Tinha a farmácia do Demar
Tinha o Mercado do Altevo
E agora, naquele lugar
Tem A Garotinha.
Tinha caçada de rã na Margarida
Tinha Perereca
Havia muito pardal,
rolinha, coleiro solto, anu.
Tinha Maria Rita pescando
E girando no Caxambu.
Tinha Filinho caolha
Tinha Mulinha
Tinha cerca de bambu.
Tinha gavião
Tinha pingal
Tinha usina de cachaça
Banho de rio no Rola
E sarro no matagal.
Tinha sarro também no banquinho
Mas mal falado era o Moisés
O Frei Tomás era grupo
O Nildo Nara, João Brasil
Os paralelepípedos das ruas
Nos conduziam
E queimavam os nossos pés.
Bem que o Toninho poderia nos ensinar
Um jeito de preservar
Um pouco da nossa história.

«
Next
»
Previous