Vídeos

URGENTE VEJA




" });

Notícias em Foco

Mundo dos Esportes

Noticias Itaocara e Região

Saúde em Ação

RÉVEILLON NO UNIÃO 2017

RÉVEILLON NO UNIÃO 2017
CLICK NA FOTO

Galeria de Fotos

» » Na volta das férias, bancadas da Câmara definem líderes para 2016

Líderes indicarão deputados para integrar comissão do impeachment.
PMDB fará eleição para definir líder; PT busca acordo; PSDB já escolheu.

Com o retorno das atividades no Congresso Nacional nesta semana, os partidos se articulam para definir os novos líderes das bancadas na Câmara para 2016. Os novos líderes serão os responsáveis por indicar os deputados integrantes da comissão especial que analisará o processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff.

Além dessa responsabilidade – atípica –, estão entre as atribuições do líder de partido orientar a posição da bancada nas votações e negociar em nome da bancada com a oposição e com o governo.

Além disso, o líder participa das reuniões com os seus pares e com o presidente da Casa para definir o que entrará na pauta de votações do plenário.

A maior expectativa – e o maior impasse – entre os partidos está na bancada do PMDB, a mais numerosa da Câmara. A legenda, que tem 67 deputados, realizará uma eleição para determinar o novo líder no dia 17 de fevereiro.

Os deputados peemedebistas terão de escolher entre o atual líder, Leonardo Picciani (RJ), de perfil mais próximo ao governo, e o deputado Hugo Motta (PB), aliado do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), e que pode atrair votos da ala dissidente do partido, que, como Cunha, defende o rompimento com o Palácio do Planalto.

O deputado Leonardo Quintão (MG), que liderou a bancada por pouco tempo no final de 2015, chegou a se candidatar ao posto, mas recuou e anunciou que deixaria a disputa.

A desistência de Quintão – que passou a apoiar Picciani – ocorreu depois de Hugo Motta anunciar que também concorreria à liderança do partido na Câmara. A candidatura do deputado da Paraíba é uma estratégia de Cunha e da ala do partido crítica ao governo Dilma para enfraquecer a candidatura à reeleição de Picciani e diluir os votos dos deputados peemedebistas entre os dois candidatos.

PT
O PT, partido da presidente Dilma Rousseff, é uma das legendas que deve definir nesta semana o nome do líder da bancada na Câmara.

Os três deputados petistas candidatos ao posto são Afonso Florence (BA), Paulo Pimenta (RS) e Reginaldo Lopes (MG).

O atual líder da bancada, Sibá Machado (AC), disse que o sucessor será escolhido pela corrente Mensagem ao Partido e disse que a expectativa é que o nome seja resultado de acordo, para que não seja necessária uma votação.

«
Next
»
Previous