Vídeos

URGENTE VEJA




" });

Notícias em Foco

Mundo dos Esportes

Noticias Itaocara e Região

Saúde em Ação

OS ÚNICOS QUEM?

OS ÚNICOS QUEM?
CLICK NA FOTO

Galeria de Fotos

» » Reviravolta: pais entram com ação no MPF contra o Colégio Pedro II

Rio de Janeiro – 19 out, 2016 – Essa semana o MPF recebeu uma enxurrada de denúncias contra a atual reitoria do Colégio Pedro II e a direção das unidades. Tudo isso se deve ao fato da liberação da saia tanto para meninos quanto para meninas, a promoção da ideologia do gênero através de ações da reitoria e a doutrinação comunista descarada, inclusive com a ocupação de uma das unidades para fazer manifesto esquerdista com retratos de ditadores assassinos como heróis e regimes totalitários como se fossem a salvação das gentes. Nesse evento, que se estende com a ocupação, os jovens são incitados à revolução popular com grandes vivas a China Maoísta e a antiga URSS assassina.

Tiraram as medidas erradas, e agora estão numa grande saia justa. Responsáveis pelo Colégio já foram intimados, alguns compareceram ao MPF para serem ouvidos. Porém a irreverência aos pais continua. Alguns dos intimados andam berrando na internet contra os pais dos alunos achando absurdo eles entrarem com uma ação na justiça contra o colégio. O pavor tomou conta daqueles que achavam que podiam fazer o que quisessem com os filhos dos outros. Mesmo assim eles agem como se os alunos fossem suas propriedades particulares querendo torná-los soldadinhos de suas guerras insanas pondo-os contra os pais se preciso for.

Uma das intimadas, de nome Magda Furtado, relatou por vídeo em seu Facebook (Veja o Post) a ação do MPF para o seu desgosto.



Uma mãe, que não pode ter sua identidade revelada para não atrapalhar as investigações, relatou que seu filho foi pressionado a concordar com um posicionamento acerca da ideologia do gênero. O aluno lhe resistiu dizendo: “Eu não concordo com você e não penso diferente do que minha mãe me ensinou”. A professora então disse: “O que você está fazendo nesse colégio? Por que não sai daqui e arruma outro?”. O jovem respondeu: “Não vou sair. E minha mãe vai lutar até o fim para eu ficar aqui”.

Nem todos os pais ainda foram ouvidos, e alguns ainda têm audiência marcada para os próximos dias. Além deles, também ex-alunos foram ao MPF e serão ouvidos. O caldo vai engrossar!

A verdade é que os integrantes do MPF não estão nada satisfeitos em verem pais chorando a sua porta por investirem tudo na educação de seus filhos para depois lhes roubarem seus meninos afim de opô-los à própria família e serem arrastados para o meio de lutas ideológicas, políticas e que eles não tem maturidade suficiente para julgar como boas ou más por serem facilmente manipulados.

Ainda que saibamos que todo o trâmite decorrido na justiça tenha certa morosidade, vai acabar muito mal para o lado dos responsáveis do CP II. Afinal, ter procuradores na cola é ter a vida vasculhada, não é mesmo? E o que pode aparecer? Quais são os conluios internos e externos? Talvez o calango seja um dragão enorme. Contudo, os procuradores estão acostumados a entrar nas cavernas onde se escondem os que se acham espertos e o buraco como de um toca os instiga a ir além das aparências de uma mera toca.

Há pessoas que não entenderam ainda o tempo em que vivem: a malandragem acabou! Não se pode mais fazer o que se quer com os outros ou com o que é deles sem estar ao alcance de uma sociedade que monitora tudo e vai até as vias de fato na execução da justiça pelos meios legais.

Continuaremos acompanhando e em breve atualizaremos sobre mais informações do caso CP II. >>>>FONTE

«
Next
»
Previous